• INTERNACIONAL
  • ARGENTINA
  • BRASIL
  • BOLIVIA
  • CHILE
  • COLOMBIA
  • COSTA RICA
  • ECUADOR
  • EL SALVADOR
  • ESTADOS UNIDOS
  • GUATEMALA
  • HAITI
  • HONDURAS
  • MEXICO
  • PANAMÁ
  • PARAGUAY
  • PERU
  • R. DOMINICANA
  • URUGUAY
  • VENEZUELA

No ano de 2018, o descarte de lixo em vários pontos da comunidade passou a incomodar moradoras e moradores da Che Guevara, em Dias D´Avila, Bahia. O problema foi elencado pela comunidade como um dos 6 mais graves e, a partir daí, foi traçado um Plano de Ação para mudar esta realidade.

A ideia inicial era promover uma campanha ampla de educação ambiental e parte da campanha envolveria transformar em canteiros os pontos onde o lixo era acumulado indevidamente.

Ao longo do ano de 2018, a Mesa de Trabalho (equipe de moradorxs e voluntárixs à frente dos projetos) fez registros dos locais mais críticos e concentrou esforços na identificação de parcerias que pudessem auxiliar neste trabalho. Estas parcerias, contudo, não foram viabilizadas e a Mesa de Trabalho decidiu partir para a ação com os recursos disponíveis.

Nega e Netinha, moradoras e participantes ativas da MT, já estavam arrecadando pneus velhos e cultivando as mudas que seriam plantadas nos novos jardins e a MT estabeleceu como meta iniciar os trabalhos de 2019 priorizando esta ação.

Ao longo dos meses de janeiro, fevereiro e março, voluntárixs e moradorxs se reuniram em mutirão para entregar os 2 primeiros canteiros, localizados na entrada da comunidade. Foi desafiador mobilizar xs moradorxs para a execução do projeto, mas apesar de apenas uma pequena parcela delxs ter arregaçado as mangas e encarado vários domingos debaixo de sol, foi extremamente emocionante e recompensador ver o resultado de tanto esforço e vê-los felizes por, enfim, terem conseguido concluir esta primeira etapa.

A partir de agora, o desafio é conquistar mais pessoas na comunidade para que possamos tornar real os demais canteiros previstos no mapeamento inicial. Dentre as ideias que já surgiram, está a realização de uma gincana, objetivando aproximar mais moradoras e moradores do trabalho da TETO, em especial a juventude da Che Guevara.