TETO
20 novembro, 2017

Encontro de Voluntários de Comunidade de SP promove troca de experiências e integração

Por Amanda Quaresma

Nos dias 28 e 29 de outubro, aconteceu o Encontro de Voluntários de Comunidade de São Paulo, que desta vez realizou-se na sede do TETO, próximo à Av. Paulista. O evento contou com a participação em média de 20 voluntários e coordenadores de equipe.

O EVC acontece anualmente e tem por objetivo integrar os voluntários permanentes que realizam um trabalho aos finais de semana em diferentes comunidades. O encontro é importante porque é a oportunidade perfeita para debater e discutir questões sérias ligadas à organização, melhorando cada vez mais o trabalho realizado e fazendo com que cada voluntário se sinta parte dos projetos desenvolvidos.

No encontro, os voluntários em conjunto com os coordenadores tiveram a oportunidade de participar de dinâmicas com a temática que eles vivem nas comunidades. O objetivo geral do EVC é promover a melhor adaptação de novos voluntários, tirar dúvidas e inteirá-los sobre a realização do trabalho em campo, descobrir as dificuldades individuais e de equipe e em grupo propor soluções para problemas que possam surgir.

No sábado o evento começou às 8h com o “Conexão e Café”, um momento de interação para os voluntários se apresentarem. Às 9h aconteceu a primeira atividade do EVC: “Habitat, Habilidade e Relacionamento das Áreas”, na qual os voluntários precisaram lidar com problemas reais do dia a dia das comunidades, desde a chegada das famílias aos locais e as consequências de estarem situados em assentos informais. Os voluntários foram divididos em duplas e cada uma representou uma área de atuação do TETO, passando pela Gestão Comunitária, Programas e Projetos, Comunicação até o Jurídico Social, definindo qual a importância da equipe para trabalhar em conjunto com os moradores.

No segundo tempo aconteceu a atividade “Espaço do Jonatas”, na qual o coordenador Jonatas Santos Ferreira que apoia a comunidade Malvinas e Bruna Costa Souza, voluntária do Portelinha, ambos estudantes de psicologia, compartilharam com os voluntários permanentes a importância de nunca perder a motivação, entender o porquê do voluntariado e o que os leva a fazer parte do TETO. Eles também abordaram temas como a importância do engajamento do morador e o porquê do baixo índice de participação deles nas mesas de trabalho e reuniões de campo. Os estudantes estão elaborando um novo projeto com base na psicologia comunitária que pretende reunir os voluntários na sede do TETO com o propósito de somar as experiências e entender as dificuldade que eles observam nas comunidades e outros assuntos sugeridos por eles.

No terceiro horário aconteceu a última atividade do primeiro dia. Os voluntários e coordenadores se reuniram para o painel “Troca de Experiências”, nesta dinâmica eles tiveram a oportunidade de sanar todas as dúvidas que surgem no desenvolvimento dos projetos nas comunidades e metodologia, alinhar as expectativas, receios de como agir em determinadas situações e tirar dúvida sobre o modelo de financiamento do TETO (FunTETO).  Foi o momento de perguntar tudo sobre como atua a organização, uma roda de conversa para responder todas as perguntas.

No segundo dia as atividade continuaram a todo vapor. A primeira ação para dar sequência ao evento foi o painel: “Espaço de Projetos Comunitários”, logo em seguida aconteceu uma roda de conversa sobre “Questões Fundiárias”, e para encerrar o Encontro de Voluntários 2017 o “Espaço Conexão” fechou o final de semana repleto de conversas e ideias que merecem ser compartilhadas com chave de ouro.